Notícias

Investidor, o que você deve saber antes de investir em uma oferta de Equity Crowdfunding

Seletividade e formação de portfólio de investimentos são as duas grandes dicas de sucesso para investir em startups, especialmente por meio de Equity Crowdfunding.

 

Essa não é uma regra específica para o Crowdfunding de investimentos. É uma regra geral e se aplica a investimentos em empresas de todas as categorias e portes de investimentos. Aplica-se tanto ao investidor anjo quanto a fundos de investimento semente, fundos de investimento de venture capital e outros investimentos privados.

 

Há uma afinidade natural de segmentos específicos de negócios com os quais essas categorias de investidores se identificam. O mercado usa muito a designação tese de investimento para identificar as diferentes vertentes. Qual é a sua tese de investimentos? Investir em empresas em estágio bem inicial? Orientado para produtos tecnológicos? Orientado para mercados B2B ou B2C? Qual o peso que você dá às competências estabelecidas no time empreendedor?

 

Crie um portfólio de investimentos

No Equity Crowdfunding não é diferente. Se um investidor tem R$ 30.000,00 para aportar me pedir uma dica de três startups para investir, eu vou responder: aplique seu dinheiro em outro tipo de investimento. O negócio de investimento em startups é de risco. Identifique os segmentos de negócios que mais lhe atraem, pesquise profundamente as oportunidades que venham a se apresentar nesses segmentos e invista em pelo menos dez startups. Esse parece ser um número mágico e funciona. Você estará bem melhor protegido investindo assim.

 

A taxa mundial de sucesso de startups investidas por meio do Equity Crowdfunding tem sido bastante superior àquela dos investimentos privados. Enquanto nesse último a taxa de acerto é de uma em cada dez, no Equity Crowdfunding apenas uma em cada cinco empresas falha.

 

Conheça as empresas

O Equity Crowdfunding é particularmente atraente para o perfil de investidor que gosta de pesquisar e conhecer detalhes da empresa, mercado, produto e time antes de investir. Todas essas informações estarão disponíveis na plataforma MyFirstIPO a partir do lançamento da oferta. O prazo de captação pode se estender em até 180 dias, mas o usual é um período de 60 a 90 dias. Nesse período, é possível interagir na plataforma com os empreendedores, conhecer a opinião de outros investidores, conhecer o investidor líder, se houver, avaliar os riscos, pesquisar os dados publicados pela empresa e, então, decidir.

 

Seja seletivo

A seletividade tem relação com esse momento de pesquisa e avaliação, mas tem também relação com a afinidade do investidor com o tipo de produto, serviço, mercado, a identificação das competências do time para implementar o plano de negócios e, principalmente, com a relevância da proposta de valor. Com o atual ritmo das inovações, uma proposta de negócios não basta ser apenas inovadora. Essa proposta precisa ser muitas vezes superior àquelas dos concorrentes estabelecidos.

 

Escolha o mercado

Outro ponto importante a ser observado: olhe mais para o mercado e menos para a tecnologia. As empresas com maior probabilidade de sucesso são aquelas que fazem a escolha da tecnologia com os olhos do consumidor e não com a visão de que a tecnologia de ponta prevalece.

 

Identifique afinidades com o negócio

Por meio da plataforma MyFirstIPO é possível interagir com os empreendedores e identificar afinidades. No Equity Crowdfunding o investidor, de certa forma, assume um pouco o papel de empreendedor, com o qual se identifica e interage de forma aberta e ampla. É o investidor no papel de mini dono do negócio.

 

Gostaria de uma consultoria para saber quais as melhores opções de investimento em Equity Crowdfunding? Entre em contato com a equipe da MyFirstIPO.